segunda-feira, janeiro 21, 2008

Prazeres


Nua e exposta ela estava
Exibindo suas belas curvas
E nossa conversa, duras
As verdades

Gostaria de provar o gosto
Amargo de sua carne
Fazê-lo doce!
Saciar uma sede
Talvez primata
Selvagem
Do prazer pleno e puro
A chegada ao orgasmo
Postar um comentário